CARRIE, Stephen King

Atualizado: Jun 20

O primeiro livro publicado do grande mestre do horror moderno

SINOPSE: Até 1972, Stephen King ainda era um professor cujo salário mal dava para sustentar a mulher, Tabitha, e os dois filhos. Nas horas vagas, escrevia histórias de suspense, sempre rejeitadas pelas editoras. Foi então que finalizou mais uma obra. Em seguida, porém, desiludido com o mercado editorial, King arremessou-a pela janela. Foi Tabitha quem o convenceu de recuperar os originais e tentar outra vez. Enviado a um editor, o livro foi aceito. Nascia Carrie, a Estranha, obra que lançou Stephen King no cenário literário mundial. O livro narra a atormentada adolescência de uma jovem problemática, perseguida pelos colegas, professores e impedida pela mãe de levar a vida como as garotas de sua idade. Só que Carrie guarda um segredo: quando ela está por perto, objetos voam, portas são trancadas ao sabor do nada, velas se apagam e voltam a iluminar, misteriosamente.

Estamos falando do primeiro livro publicado do grande mestre do horror moderno: Stephen King. Mais de quarenta anos depois, Carrie, a estranha, tornou-se um clássico, uma violenta ode à maldade juvenil, muito antes de ouvirmos falar do termo bulling.

Lida com atenção e esmero, a história faz o leitor se perguntar: quem seria eu nessa história? Como eu me comportaria? Como a adolescente atormentada ou como seus algozes?

Tramatura recomenda a leitura de Carrie e, mais ainda, que você o tenha em sua estante, como documento histórico de uma das mentes mais inventivas da literatura contemporânea.

#livros #suspense #literatura #dicasdeleitura #stephenking

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo