top of page

Escrito no formato de uma peça de teatro, um drama fantasioso para ser encenado, Macário tem essa mesma estrutura negada por Álvares de Azevedo: em seu texto de introdução, ele esclarece que a forma é muito mais um meio para sua literatura, e que nada daquilo fora moldado, de fato, para um palco.

 

Macário é um personagem perdido que, em certa noite, tem um encontro com um estranho: Satan! Que o carrega, no primeiro episódio, por cenários de pesadelo, expondo sua índole e revelando o horror como figura de denúncia social. A segunda parte leva Macário para a Itália e para a companhia do apaixonado e inocente Penseroso. Aqui, Álvares de Azevedo afia sua licença poética contra os dogmas da arte, da literatura, da cultura que o cerca. O suicídio de Penseroso é a morte, pelas próprias mãos, do romantismo açucarado, é a vitória do cinismo libertário — que se compadece de ter sobrevivido à custa da perda de toda a inocência, mas reserva uma espiada pela janela de uma taverna onde bêbados perdidos discursam seus pecados e amores malditos!

Macário

SKU: 9786585657129
R$ 49,90 Preço normal
R$ 39,92Preço promocional
  • Capa: Jefferson Sarmento

    Páginas: 124

    Formato: 15 x 21 cm

    Peso: 270g

    Acabamento: Capa dura

    Papel: Pólen 80

    ISBN: 9786585657129

    Selo: Biblioteca Clássica de Espantos e Assombros

Produtos relacionados